História

A Faculdade do Norte Novo de Apucarana – FACNOPAR -, obteve credenciamento e autorização para oferta do curso de Direito em 2001, pela Portaria 2271 de 19 de outubro de 2001. Em 2004 novos cursos foram autorizados pelo Ministério da Educação: Bacharelado em Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Relações Públicas e Licenciatura em Pedagogia.


Em 2005 foram autorizados os Cursos  Superiores de Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos, Marketing, Comércio Exterior, Empreendimentos Rurais, em 2007 alterada a nomenclatura para Agronegócio e Design de Interiores. Todos os cursos são reconhecidos pelo MEC. A FACNOPAR obteve o recredenciamento em 2012. Foi concebida como um estabelecimento de ensino superior mantido pelo CESA – Centro de Estudo Superior de Apucarana, o qual, a partir de 2006, passou a ser constituído como uma “associação para fins não econômicos, como instituição de educação mantenedora de ensino superior e assistência social beneficente na área de ensino superior, sem finalidade lucrativa, com autonomia jurídica, administrativa e financeira” (ESTATUTO, 2006, p. 1). Encontra-se registrado no Conselho Nacional de Assistência Social, órgão do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome com Atestado de Registro nº R0492/2006.


No estado do Paraná, foi declarado como instituição de utilidade pública por meio da Lei nº 15.088, de 04 de Maio de 2006 e, no município de Apucarana, por meio da Lei nº 031/06, de 24 de Agosto de 2006.

Missão

Promover a formação integral da pessoa humana e sua capacitação ao exercício profissional, incentivando o aprendizado contínuo e a atuação solidária para o desenvolvimento da sociedade, por meio do ensino presencial e a distância.

Credo

A Facnopar crê que o seu compromisso fundamental com a sociedade é o de promover a cultura do homem, que provém do homem e é para o homem.